O QUE É A SÍNDROME DE BURNOUT?

O QUE É A SÍNDROME DE BURNOUT?

O QUE É A SÍNDROME DE BURNOUT?

  • Postado em 13/09/2019
  • Comentários
  •  

“Burn” significa queimar e “out” é o mesmo que do lado de fora. Aí você pode imaginar que uma doença com esse nome seja bem grave e complicada. Quem tem Síndrome de Burnout, sente que está em chamas. Não é que o corpo fique mais quente, ardendo em febre. Mas a sensação é de cansaço extremo, esgotamento físico, incapacidade de raciocinar com lógica. E tudo isso começa num lugar que frequentamos quase todos os dias: o trabalho!

A AIO Corretora já publicou artigos sobre os perigos que a rotina corporativa oferece para a saúde. E voltamos ao tema porque trabalhar faz parte da vida e é preciso encontrar um equilíbrio entre aumento de produtividade e prazer profissional. Este artigo é útil para você, gestor, e para você, funcionário. E saiba que existem inúmeras formas de uma empresa cuidar do bem-estar da equipe. Se precisar de orientação, clique aqui e fale com nossos corretores. E agora, entenda em detalhes a Síndrome de Burnout.  

O que causa a Síndrome de Burnout?

A doença é motivada por pressão excessiva, pelo acúmulo de responsabilidades e por um ambiente de trabalho com muita competitividade e instabilidade. Quando alguém recebe mais missões do que pode cumprir, ou prazos curtos para tarefas complexas, ou percebe que pequenas falhas são vistas como grandes erros e levam à demissão, pode desenvolver este distúrbio emocional. 

Mas é bom deixar claro que a Síndrome de Burnout não é motivada apenas por fatores externos. Quem se cobra demais ou quem acha que não tem capacidade suficiente para cumprir suas responsabilidades também acaba adoecendo.

Quais são os Síndrome de Burnout?

O cenário em que o transtorno surge já ficou evidenciado nos parágrafos anteriores. Mas vamos demostrar agora alguns sintomas muito evidentes da Síndrome de Burnout. Se eles fazem parte da sua realidade, procure ajuda. Se identifica estes comportamentos num amigo ou colega, ofereça apoio. Nem todo mundo sabe que este conjunto de sintomas é uma doença e que ela tem cura.

Fique atento para:

– Cansaço excessivo (físico ou mental)

– Insônia

– Dores musculares

– Dor de cabeça frequente

– Perda de capacidade de concentração

– Negatividade permanente

– Sentimentos de fracasso, insegurança, derrota, incompetência ou falta de esperança

– Irritabilidade

– Isolamento (as pessoas estão distantes de você, não te convidam mais para o almoço ou para atividades sociais fora do trabalho)

A Síndrome de Burnout tomou conta das empresas brasileiras

A Associação Internacional de Gestão de Estresse fez um levantamento e detectou que 32% dos trabalhadores brasileiros sofrem, em algum grau, com a Síndrome de Burnout. Em 2016 (último ano com dados disponíveis), o INSS registrou mais de 75 mil afastamentos por causa da doença. 

O problema é grave e merece atenção de todos: empresários, gestores, profissionais de RH e trabalhadores em geral.  Num ambiente em que as cobranças são razoáveis, as tarefas são bem distribuídas e as pessoas são tratadas de maneira equânime, ninguém adoece e a produtividade aumenta!

0 Comments

Deixar comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *